Cidades

X
  • Sexta-feira, 20 de Outubro
  • Onde quer que vá, vá com o coração!
Cidades

Matéria

Sábado, 12.08.17 às 09:30

Bebê de 7 meses morre 'afogado' com o próprio vômito

Lázaro Jr./Folha da Região

Os pais de um bebê de 7 meses procuraram a polícia na manhã desta sexta-feira (11), em Birigui, e registraram um boletim de ocorrência denunciando a morte do menino no pronto-socorro da cidade. Segundo o relato, a equipe médica informou que o paciente teria se afogado com o próprio vômito e não teria como atestar a causa da morte.

O cortador de 40 anos, morador no bairro Santana, em Birigui, contou à polícia que o filho dele passou mal na tarde de quinta-feira (10), teve febre e vômito. Ele e a mãe da criança a levaram ao pronto-socorro entre as 18h30 e 19h, foi feita a medicação com injeção de Dramin.

Após permanecer uma hora em observação, o paciente foi liberado e os pais orientados a procurarem um posto médico na manhã seguinte para consultá-lo com um pediatra. Porém, a criança continuou vomitando durante a noite e por volta das 5h30 desta sexta-feira (11) foi levada novamente ao pronto-socorro e atendida por outro médico plantonista.

CHORO
Segundo o pai, o menino chorava muito e foi levado para uma sala de emergência. Uma hora depois, o médico retornou dizendo que o bebê havia morrido, alegando que ele havia se afogado com o próprio vômito, fato descrito como afogamento mecânico.

Entretanto, a equipe médica disse que não tinha como atestar a causa da morte e solicitou o registro do boletim de ocorrência para que o corpo passasse por exame necroscópico no IML (Instituto Médico Legal).

A reportagem entrou em contato com o IDS (Instituto de Desenvolvimento Social), que é o responsável pela gestão do pronto-socorro de Birigui, que afirmou que diferentemente do que o pai informou à polícia, o paciente deu entrada na unidade com parada cardiorrespiratória. "O médico realizou a reanimação por mais de uma hora, porém o paciente veio a falecer", informa por meio de nota.

Segundo o instituto, o laudo no exame necroscópico irá esclarecer a causa da morte.

Comentários

Recomendadas

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 15,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Facilite seu acesso agregando uma
conta de rede social ao seu perfil
Sexo
Confirme seu cadastro

Para acessar nossos conteúdos especiais é necessario que você ative seu cadastro.

Acesse seu e-mail e clique no link que lhe enviamos. Caso não tenha recebebido, digite abaixo seu e-mail.