Diário da Região

09/03/2019 - 22h23min

PONTAPÉ NA CARREIRA

Como programas de trainee ajudam a desenvolver competências

Iniciativa colabora para que profissionais iniciem a carreira em posições de destaque, enquanto empresas descobrem talentos e formam sucessores

Mara Sousa 8/3/2019 Franco Cordioli entrou na empresa como trainee: "Foi um período de muita responsabilidade"
Franco Cordioli entrou na empresa como trainee: "Foi um período de muita responsabilidade"

Alta remuneração e a chance de entrar na empresa já em uma posição estratégica são algumas das razões pelas quais jovens profissionais encaram longos e concorridos processos seletivos de trainee em grandes organizações. Para universitários e recém-formados, esse tipo de programa é a oportunidade de crescer profissionalmente e começar a trilhar uma carreira de sucesso. Para as empresas, é o momento de descobrir talentos e moldá-los a sua cultura organizacional, valores e objetivos.

A consultora de recursos humanos Fabiana Moraes, da Action RH, explica que, normalmente, o trainee é inserido no método conhecido como job rotation, ou seja, transita por diversos setores dentro da empresa, geralmente exercendo funções estratégicas e participando de importantes decisões. "O profissional é submetido a treinamentos e experiências em várias áreas, sendo moldado de acordo com as necessidades da empresa e o seu perfil", explica. Segundo ela, o programa dura, em média, 12 meses, podendo variar de empresa para empresa.

Normalmente, os trainees são contratados no último ano de graduação ou enquanto ainda são recém-formados. "A vantagem é iniciar a vida profissional em uma empresa renomada, além da grande oportunidade de adquirir ampla bagagem de conhecimentos, experiências e conseguindo até uma alta remuneração", ressalta a consultora.

O jovem engenheiro de produção Franco Cordioli, de 23 anos, faz parte do grupo de recém-formados que buscaram uma oportunidade como trainee na Rodobens, em Rio Preto. Hoje efetivado, olha para trás com sentimento de orgulho. "Foi um período de muita responsabilidade e amadurecimento, em que é preciso ter atitude e persistência". Durante o programa, Cordioli passou por uma série de treinamentos e teve forte interação com a unidade de negócios de automóveis, dentro varejo automotivo. "Mas também me foram oferecidas outras oportunidades no setor de veículos comerciais, por conta dos meus projetos realizados na empresa", explica.

Segundo a gerente de desenvolvimento e treinamento Mônica Berbel, da Rodobens, o principal objetivo do programa é recrutar, desenvolver e reter profissionais em início de carreira que apresentem alto potencial, com capacidade para assumir posições de liderança no futuro. Ao desempenhar diversas funções, o trainee se coloca em posição de destaque. "Após ingressarem na organização os trainees são inseridos em uma trilha de desenvolvimento composta por integração na cultura e nos negócios", explica.

Portanto, em um momento em que não basta ter apenas colaboradores, os programas de trainee ajudam as empresas a encontrar algumas "joias", capazes de inovar e transformar barreiras em oportunidades. Justamente por isso, o processo seletivo passa por diversas fases. "Fazemos a seleção dos currículos, teste online, conhecimentos gerais, português, matemática e inglês, entrevista gravada, entrevista presencial, case de negócio online, banca presencial com diretores e presidente da empresa", detalha a gerente.

Concorrência alta, oportunidade única

Outra empresa que atua na região de Rio Preto e mantém trainees em seus quadros é a francesa Tereos, fabricante de açúcar, amido e bioetanol. Na última edição do programa, mais de 26 mil jovens se inscreveram para disputar apenas 23 vagas nas unidades da companhia, que tem como objetivo atrair os melhores talentos de várias partes do país em início de carreira e proporcionar a estes jovens profissionais uma vivência diversificada.

O trainee Téo Gebrim de Oliveira, que participa do programa em Olímpia, valoriza as ações que contribuem para seu desenvolvimento profissional. "Temos uma trilha de desenvolvimento bem robusta, com treinamentos estratégicos e comportamentais, com foco em protagonismo", afirma.

Carlos Leston, diretor de recursos humanos da empresa, explica que o programa permite que o jovem profissional tenha uma visão abrangente do negócio da empresa. "É um processo muito rico, que traz aprendizados e intercâmbio entre gerações. Por meio desta vivência mútua, alavancamos a cultura de transformação da companhia e preparamos sucessores para nossos quadros de carreira", ressalta.

Procurando emprego em Rio Preto e região? Clique aqui e confira as oportunidades anunciadas nos Classificados do Diário!

(Colaborou Alana Gabriela)

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso